Eventos Cervejeiros

[Eventos Cervejeiros][twocolumns]
[Eventos Dois][twocolumns]

Bagacinho Boteco sai em matéria do Aratu Online, confira




A matéria saiu na coluna Foca no Boteco, da jornalista Marcela Souza, confira:

ELE É CULT: Com sessões de cinema e projetos de jazz, Boteco Bagacinho se tornou o queridinho da Barra

Eu, rata de boteco, andava era numa birra retada com a Barra! Ninguém inventasse de me convidar para tomar uma por aquelas bandas, principalmente após a reforma, que eu já achava uma afronta. Vivia repetindo que lá já não era mais lugar para mim e fazia a cabeça de quem fosse para me acompanhar nos velhos botecos que ganharam meu coração pelas bandas do Carmo, Rio Vermelho e Cidade Baixa…

Numa dessas conversas descompromissadas, Darino Sena – outro amante de boteco e de cerveja – me falou sobre o Bagacinho. Dizia ele, com uma convicção invejável, que era dos melhores de Salvador e que, só por isso, já valia a pena beber na Barra.

Outros amigos fizeram a mesma indicação e a fama do lugar estava tão insuportável que eu tinha que dar o braço a torcer e conhecer o tal Bagacinho. Ano passado, enfim, não só conheci, mas me apaixonei pelo danado.


De cara, você conhece Karla Baqueiro e Emanuel da Costa, proprietários que já chegam cheios de conversa fiada e sorrisão, bem naquela pegada de baiano que sabe receber. O lugar é uma delícia e quem passa pela Comendador Bernardo Catarino, uma rua residencial, nem imagina que ali existe, sim, um dos melhores botecos da cidade.

Mas o que faz do Bagacinho um lugar tão especial? Eu poderia falar, mais uma vez, sobre o atendimento, a felicidade de poder beber naquelas mesinhas de rua, acrescentar o cardápio trabalhado na comida nordestina e carinhosamente apelidado de “comidinhas”. Poderia citar os quase 70 rótulos de cervejas disponíveis, mas não! Ele é tão mais que isso!


Não fosse suficiente, o danado ainda tira a maior onda de cult. Toda terça, a partir das 20h30 e sob a curadoria do cineasta Alexandre Guena, acontece o Cine Bagacinho. O lugar se transforma em uma sala de cinema diferentona e, após cada sessão, a turma bate um papo sobre o filme exibido. Você pensa que acabou? Tem mais! O Bagacinho tem, ainda, uma programação musical aos fins de semana, com projetos de jaz e pop rock.

Quando perguntada sobre essa característica cultural, Karla responde que o bar foi ganhando características dos próprios donos. Eles queriam dividir seus gostos por cinema, jazz e rock com os clientes. E desde o início, há seis anos, quando compraram o boteco – que já tinha o nome Bagacinho e, segundo a antiga dona, fazia referência ao fundo da igreja de Santo Amaro da Purificação- eles vêm experimentando.

Até chegar ao modelo atual, com pegada Cult, o bar já investiu nas tradicionais partidas de futebol e até recebeu o nome de Bagacinho Futebol Clube. Karla diz que o amor pelo comércio é antigo e vem de família. Com pais espanhóis – o pai era dono de um dos armazéns mais antigos da Barra – ela cresceu nesses bastidores de trabalhar com com atendimento. Hoje, sua maior satisfação é fazer amizades e “crescer o Bagacinho no gosto de todos”.

Serviço:

Bagacinho Boteco
Endereço: Rua Comendador Bernardo Catarino, 171, Barra, Salvador
Funcionamento: Terça a sexta: das 16h à 00h / sábado: das 12h às 22h / domingo: das 12h às 17h
Contato: 71 3264-0051

Fonte: Aratu Online / Foca no Boteco

-------

Portal da Cerveja
Beba, Curta e Siga - @portaldacervejaoficial
www.portaldacerveja.com
Notícias e Informações, Rádio e Internet!
O Melhor Veículo de Comunicação Cervejeira da Bahia

Nenhum comentário :

Degustando

[Degustando][bleft]

Mundo da Cerveja / Série Introdutória

[G Barbosa][twocolumns]